OUÇA: Serviço de dados da policia do Mato Grosso pode ser usado no Paraná e Mato Grosso do sul

Campo Grande(MS) – Primeiro encontro de Secretários de segurança Pública promovem ações contra grupos criminosos que agem nos Estados, entre eles o “novo cangaço”. A meta do  grupo é criar sistema de compartilhamento das informações de segurança entre os três estados. A reunião serve para o planejamento de operações conjuntas entre os estados para combater crimes, frequentes na região norte do Estado e nas linhas fronteiriças com a Bolívia e Paraguai, apontadas como portas abertas à entrada de cocaína, maconha e mesmo ao tráfico de armas.

A  ideia é compartilhar tudo em um único sistema que precisaria de custos para ser montado. Do Mato Grosso, Roger Jarbas afirmou que no estado já existe sistema que integra as forças de segurança e que a intenção é usar o modelo como piloto para integrar os estados que compõem o novo subnúcleo de segurança já pode ser na próxima semana. Gustavo Garcia Francisco, secretário adjunto de inteligência da SEJUSP do Mato Grosso,  informa como funciona o Sistema de inteligência em Mato Grosso O compartilhamento de dados deve agilizar o serviço de inteligência das policiais dos Tres Estados. Wagner Mesquita, secretário do Paraná, também reforçou necessidade de gestão integrada e análise sobre panorama do crime organizado.            O             próximo encontro de secretários de segurança pública será realizado em Curitiba o Paraná. Ouça a reportagem da Rádiowebms.

 

João Flores Junior

foto Rádiowebms.